sábado, 30 de janeiro de 2016

Saramago


Os meus olhos brilharam quando pensei neste conhecido sobrenome como nome próprio. Tudo isto derivado de uma publicação no Sociedade dos Nomes quando alguém disse que uma amiga cogitou chamar ao filho Saramago. A ideia encantou-me.

Saramago, para além de sobrenome é também o nome de uma flor. Raphanus raphanistrum para ser preciso. Esta flor de tons pálidos é considerada silvestre por ser uma erva-daninha, e pode ser encontrada em Portugal continental e ilhas, mas maioritariamente no Arquipélago dos Açores. Também há quem lhe dê o nome de crucíferas.

O nome grego do género Raphanus significa "aparecimento rápido" e refere-se à rápida germinação das suas sementes; O termo raphanistrum tem a mesma origem da palavra anterior e é um nome antigo usado uma vez para este género. A designação Saramago deriva do árabe sarmaq, relacionado com o termo português armoles - talvez do latim holus, hortaliça, e molle, tenro. Pensa-se que esta espécie de flor comestível, é, possivelmente, a fonte original do rabanete cultivado, R. sativus.

No livro Sombras do Infinito de Billy M. Hidalgo, encontramos dois parágrafos muito interessantes, também eles acerca da origem de Saramago como sobrenome:

“Ter tal palavra como sobrenome é ser do tipo de pessoa que não se deixa afetar quando existe oposição às suas ideias ou ações. Por agir com equilíbrio, tem sempre o apoio dos que o seguem e acreditam na sua liderança”

Saramago (…) também seria a junção das palavras portuguesas, língua existente no mundo humano: Sara do verbo sarar e mago que provém daquele que domina a magia. Isto é, a relação de um Saramago sararia um mago. Curaria as suas feridas. Permitiria a sua felicidade.”

Conhecidíssimo internacionalmente pelo seu prémio Nobel da Literatura, José Saramago é a maior referência dos nossos dias com este nome. No entanto, este seu sobrenome não era de origem paterna, nem materna, mas sim a alcunha depreciativa pela qual a família era conhecida na aldeia, e que significa (entre outros significados), como agora sabem, flor de rabanete. Em As Pequenas Memórias, o próprio Saramago escreve:

"Que indo o meu pai a declarar no Registro Civil da Golegã o nascimento do seu segundo filho, sucedeu que o funcionário (chamado ele Silvino) estava bêbado (por despeito, disso o acusaria sempre meu pai) e que, sob os efeitos do álcool e sem que ninguém se tivesse apercebido da onomástica fraude, decidiu por conta e risco acrescentar Saramago ao lacônico José de Sousa que o meu pai pretendia que eu fosse". Equívoco este, só descoberto devido à apresentação obrigatória da certidão de nascimento para efeitos de inscrição no primeiro ano, da escola primária. Por conta disso, o pai de José Saramago quis assumir o sobrenome. “Foi a primeira vez na história que um filho deu o sobrenome ao pai”, disse Saramago numa entrevista ao The New York Times.

Utilizado como nome próprio é raro, nem consta na lista do IRN, mas já que há tantos sobrenomes utilizados como nome próprio, por que não o belo Saramago? Este nome longo que é também nome de flor poderia revolucionar os registos, que agora são nulos, dando provas que nomes mais “delicados” também servem para rapazes. Para quem não pondera para primeiro nome, tenho a certeza que ficará muito bem como segundo nome em muitos compostos.

Tenho-vos a dizer que adorei fazer este post, pois descobri que Saramago tem mais a ver comigo do que eu alguma vez imaginei: José Saramago nasceu a 16 de Novembro, tal como eu, e o nome científico da sua planta, Raphanus, faz até lembrar o meu, Rafael. Raphanus lembra também Rafael + anos, ou seja, o aniversário de um Rafael - sendo eu Rafael, bate certo com o meu aniversário, que é no mesmo dia do aniversário de Saramago. Interessante, não é?

5 comentários:

  1. Parabéns pelo belo post Rafael, está ótimo! Fiquei surpresa em saber que Saramago é nome de flor, gosto muito de nomes literais masculinos! Acho Saramago uma excelente opção para um nome composto. Realmente as coincidências são grandes entre vc e o Saramago!

    ResponderEliminar
  2. Lindo post!! Adorei!! :) :) e gosto imenso do nome :)

    ResponderEliminar
  3. Muito interessante, mas também tenho dificuldade em ver como nome.

    ResponderEliminar